sábado, 22 de setembro de 2012

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

PASTORAL



CONFLITO
“O reino dos céus é ainda semelhante a uma rede que, lançada ao mar, recolhe peixes de toda espécie. E, quando já está cheia, os pescadores arrastam-na para a praia e, assentados, escolhem os bons para os cestos, e os ruins deitam fora ”(Mt 13:47-48).

“Eu não sei se vou ou fico, eu não sei se fico ou vou”.  Oh dúvida!  Eis estabelecido o conflito na sua proporção máxima. É não ter a certeza, de modo absoluto, do que fazer.
A consumação do reino se realiza através do julgamento que separa os bons dos maus.  Os que vivem a justiça e a obediência do reino; os que não vivem serão, definitivamente, excluídos. O reino é de Deus e Ele cuida  e no cuidado dele chama os trabalhadores, o que é um tremendo privilégio para qualquer chamado, e o nosso cuidado deve ser o cuidado de um trabalhador chamado e nunca o cuidado do dono do reino.  Há trabalhadores querendo fazer o que o dono não deixa de fazer.
O apóstolo Paulo viu e viveu o conflito e o deixou pontuado na Escritura: está na miserabilidade humana – “Miserável homem que eu sou” -  Usando o artifício da primeira pessoa, Paulo convida cada um a olhar para si mesmo e para a sociedade, a fim de descobrir o conflito que se desenrola dentro da condição humana. O ser está dividido entre o egoísmo e o amor, servir a si e aos outros. Existe, contudo,  o predomínio do egoísmo que se alastra e perverte as relações, as mais íntimas e até as espirituais. A sociedade torna-se então desumana, injusta e perversa. E quem nos poderá libertar desse “corpo de morte”?
A filosofia e a teologia são essencialmente uma transcrição e uma interpretação da experiência humana, e a experiência humana é de que há um conflito na alma humana. Para Paulo, tratava-se de uma guerra entre duas forças opostas que chamava de carne e espírito. Aqui estava o dilema da situação.
É sempre muito bem-vindo qualquer auxílio que nos vem às mãos para vencermos na nossa luta contra a carne.  Certamente, o imprescindível é o “nascimento que vem de cima” (Jo 3:3-5), realizado pelo Espírito de Deus.  Uma vez habitando o coração, Ele planta ali o amor de Deus (Rm 5:5).  O fruto de sua presença se manifesta em atos concretos de amor (ágape) revelados nas conhecidas virtudes de Cristo conforme aparecem em Gálatas 5:22-23.  Mas o recebimento do Espírito não aniquila a carne. A manifestação do fruto do Espírito não implica no desaparecimento das obras da carne. “A carne milita contra o Espírito” (Gl 5:17).   As obras da carne, portanto, não deixam de ser o fruto podre e venenoso do “eu” que procura afastar o controle divino da vida.
Leia a Bíblia. Compreenda a Bíblia.  Na Bíblia está a orientação. Ela é o farol. Ela aponta o rumo. Siga a Bíblia.
Rev. Ersino Albano da Silva

terça-feira, 18 de setembro de 2012

DE DEUS E DA SANTÍSSIMA TRINDADE

I. Há um só Deus vivo e verdadeiro, o qual é infinito em seu ser e perfeições. Ele é um espírito puríssimo, invisível, sem corpo, membros ou paixões; é imutável, imenso, eterno, incompreensível, - onipotente, onisciente, santíssimo, completamente livre e absoluto, fazendo tudo para a sua própria glória e segundo o conselho da sua própria vontade, que é reta e imutável. É cheio de amor, é gracioso, misericordioso, longânimo, muito bondoso e verdadeiro remunerador dos que o buscam e, contudo, justíssimo e terrível em seus juizos, pois odeia todo o pecado; de modo algum terá por inocente o culpado.
Ref. Deut. 6:4; I Cor. 8:4, 6; I Tess. 1:9; Jer. 10:10; Jó 11:79; Jó 26:14; João 6:24; I Tim. 1:17; Deut. 4:15-16; Luc. 24:39; At. 14:11, 15; Tiago 1:17; I Reis 8:27; Sal. 92:2; Sal. 145:3; Gen. 17:1; Rom. 16:27; Isa. 6:3; Sal. 115:3; Exo3:14; Ef. 1:11; Prov. 16:4; Rom. 11:36; Apoc. 4:11; I João 4:8; Exo. 36:6-7; Heb. 11:6; Nee. 9:32-33; Sal. 5:5-6; Naum 1:2-3.

II. Deus tem em si mesmo, e de si mesmo, toda a vida, glória, bondade e bem-aventurança. Ele é todo suficiente em si e para si, pois não precisa das criaturas que trouxe à existência, não deriva delas glória alguma, mas somente manifesta a sua glória nelas, por elas, para elas e sobre elas. Ele é a única origem de todo o ser; dele, por ele e para ele são todas as coisas e sobre elas tem ele soberano domínio para fazer com elas, para elas e sobre elas tudo quanto quiser. Todas as coisas estão patentes e manifestas diante dele; o seu saber é infinito, infalível e independente da criatura, de sorte que para ele nada é contingente ou incerto. Ele é santíssimo em todos os seus conselhos, em todas as suas obras e em todos os seus preceitos. Da parte dos anjos e dos homens e de qualquer outra criatura lhe são devidos todo o culto, todo o serviço e obediência, que ele há por bem requerer deles.

Ref. João 5:26; At. 7:2; Sal. 119:68; I Tim. 6: 15; At - . 17:24-25; Rom. 11:36; Apoc. 4:11; Heb. 4:13; Rom. 11:33-34; At. 15:18; Prov. 15:3; Sal. 145-17; Apoc. 5: 12-14.
III. Na unidade da Divindade há três pessoas de uma mesma substância, poder e eternidade - Deus o Pai, Deus o Filho e Deus o Espírito Santo, O Pai não é de ninguém - não é nem gerado, nem procedente; o Filho é eternamente gerado do Pai; o Espírito Santo é eternamente procedente do Pai e do Filho.
Ref. Mat. 3:16-17; 28-19; II Cor. 13:14; João 1:14, 18 e 15:26; Gal. 4:6.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Realidades do Evangelho





......por isso, tendo o que comer e com que vestir-nos, estejamos com isso satisfeitos.
Os que querem ficar ricos caem em tentação, em armadilhas e em muitos desejos descontrolados e nocivos, que levam os homens a mergulharem na ruína e na destruição,
pois o amor ao dinheiro é raiz de todos os males. Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé e se atormentaram a si mesmas com muitos sofrimentos.                             1 Tm 6:8-10

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Independência


INDEPENDÊNCIA
“E CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ” (Jo 8:32).

Na Juiz de Fora contemporânea se diz: não é mais independência e sim presidente Itamar Franco. No Brasil de 1822 se disse: “independência ou morte”. Para os Coríntios, na amostragem da predominância da vida, Paulo deixa a pergunta: “Onde está, ó morte, a tua vitória?” Para os judeus Jesus afirmou: a independência, inteira, completa e plena, está no conhecimento  prático da verdade.
Pense no Brasil colônia. Naquele tempo não tinha rei no Brasil e todos tinham que obedecer ao rei de Portugal –  Em 1808, D. João VI, que reinava de Portugal, para escapar de Napoleão faz do Brasil o seu refúgio e para cá vem “de mala e cuia” com toda família. Como todo Napoleão tem o seu dia de Waterloo, D. João VI voltou tranquilo para a sua pátria querida e o seu filho Pedro I, ficou como imperador no Brasil e tinha que prestar conta à terra lusa o que maculava o brio nacional. E já funciona o famoso “jeitinho brasileiro” e D. Pedro I, assume o desafio de separar o Brasil de Portugal. Procedimento tentado há mais de trinta anos.  Tiradentes (1746 – 1792) o principal líder e único mártir da Conjuração Mineira, movimento político contra o colonialismo português organizado em Minas Gerais, em 1789.   Tiradentes é considerado herói nacional e o principal precursor da independência do Brasil.  Desde 1890, a data de sua morte é feriado em todo país.  Em 1965, foi declarado, por lei, patrono cívico da nação brasileira. E o poeta canta, melancolicamente, assim: “Joaquim José da Silva Xavier, morreu a vinte dois de abril, pela independência do Brasil, foi traído e não traiu jamais, na inconfidência de Minas Gerais”.
Não é, definitivamente, na  “independência ou morte” que está a solução. Haja vista, que Tiradentes foi morto e o Brasil continuou sobre a dura e incruenta opressão portuguesa.  Então, a solução  será  encontrada, isto sim,  na “independência e vida”. Aos romanos Paulo assim ensinou: “Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor” (Rm 6:23).   Jesus é a presença atuante de Deus que, verdadeiramente, liberta o homem da escravidão e o conduz para uma nova vida. É através da sua morte que Jesus confirma essa libertação. A verdade que liberta é a aceitação sincera  da vida nova e abundante trazida por Jesus, que relativiza tudo aquilo que antes parecia absoluto: riqueza, poder, idéias, estruturas, sistemas. A vivência da liberdade deixada por Jesus faz romper com toda e qualquer ordem injusta e experimentar, de fato, o amor de Deus através do amor ao próximo.
                                              Rev Ersino Albano da Silva

Congresso Educação Cristã- Guarapari 2012


Santificação II


SANTIFICAÇÃO


                       TEXTO BASE: 1ª PEDRO 1: 13-19



                        PORTANTO, ESTEJAM PRONTOS PARA AGIR. PONHAM TODA A ESPERANÇA NA BENÇÃO QUE SERÁ DADA A VOCÊS QUANDO JESUS CRISTO FOR REVELADO.
                       
                        SEJAM OBEDIENTES A DEUS E NÃO DEIXEM QUE A VIDA DE VOCÊS SEJA DOMINADA POR DESEJOS QUE TINHAM QUANDO ESTAVAM NA IGNORÃNCIA.

                        PELO CONTRÁRIO, SEJAM SANTOS EM TUDO O QUE FIZEREM, ASSIM COMO DEUS, QUE O CHAMOU É SANTO.

                        PORQUE AS ESCRITURAS DIZEM: SEJAM SANTOS PORQUE EU SOU SANTO.

                        QUANDO VOCÊS ORAM A DEUS, O CHAMAM DE PAI, ELE QUE JULGA COM IGUALDADE AS PESSOAS, DE ACORDO COM O QUE CADA UM TENHA FEITO. PORTANTO, DURANTE O RESTO DA VIDA AQUI NA TERRA TENHAM RESPEITO A ELE (TEMOR DURANTE A PEREGRINAÇÃO).

                        POIS VOCÊS SABEM QUE O PREÇO QUE FOI PAGO PARA LLIVRÁ-LOS DA VIDA INÚTIL QUE HERDARAM DOS SEUS PASSADOS. ESSE PREÇO NÃO É ALGO QUE PERDE O SEU VALOR COMO O OURO OU A PRATA.

                        VOCÊS FORAM LIBERTADOS PELO PRECIOSO SANGUE DE CRISTO, QUE ERA COMO UM CORDEIRO SEM DEFEITO E SEM MÁCULA.




                                               Q U E      É      S A N T I D A D E?




A) UM ATRIBUTO;

B)  EXIGIDA PELA LEI DE DEUS;

C)  É DISPONÍVEL PELA GRAÇA DE DEUS.


                        NÃO É IMPOSIÇÃO DE REGRAS, LEIS, LEGALISMOS. NÃO É MUDANÇA EXTERNA, APESAR DE QUE ISSO OCORRA. É UMA OBRA DO ESPÍRITO SANTO TRANSFORMANDO O QUE É IMORAL, VIL... DE DENTRO PARA FORA; É EXPERIMENTAR A AÇÃO DO ESPÍRITO NO PRÓPRIO INTERIOR. É UMA AÇÃO SOBRENATURAL DE DEUS!!!


OBS.: EXISTEM DOIS EXTREMOS:  O LEGALISMO E A LIBERTINAGEM.

                       
                        O QUE NA VERDADE MUDA É O INTERIOR DO HOMEM, ASSIM SENDO HÁ UM REFLEXO TAMBÉM NO EXTERIOR; NÃO DAMOS OCASIÃO À CARNE DE MODO QUE RECEBEMOS A GRAÇA E “DE GRAÇA”????? CONCEDIDA EM CRISTO PARA A VIDA!!!
                        AGORA, AQUILO QUE COLOCO DIANTE DE MEUS OLHOS MUDA, É TRANSFORMADO POR CRISTO DE TAL MODO QUE “O MEU AGIR É DIFERENTE DAQUELE QUE TINHA ANTES DE NASCER DE NOVO” (SANTIFICAÇÃO).


A)  É UM ATRIBUTO DE DEUS:

                        LV 19:2 “SANTO SEREIS, PORQUE EU, O SENHOR VOSSO DEUS SOU SANTO”. DEUS NÃO PODE SE COMPROMETER COM O PECADO, PORQUE ELE É SANTO EM SEU CARÁTER
.
                        “SEM SANTIDADE NINGUÉM VERA A DEUS” HB 12:14. (PECAR É AFRONTAR A SANTIDADE DE DEUS!!!).



B)  É EXIGIDA PELA LEI DE DEUS:


                        1 PE 1:16 “SEDE SANTOS, PORQUE EU SOU SANTO”.
                        SANTIFICAÇÃO É UMA ORDEM, NÁO É UMA OPÇÃO.

                        LV 11:44 “E SOU O SENHOR, VOSSO DEUS: PORTANTO, VÓS VOS CONSAGRAREIS E SEREIS SANTOS, PORQUE EU SOU SANTO, E NÃO VOS CONTAMINEIS POR NENHUM ENXAME DE CRIATURAS QUE SE ARRASTAM SOBRE A TERRA”.


OBS.: A BÍBLIA DIZ: VEJA COMO VOCÊ É... VOCÊ PRECISA DE SANTIFICAÇÃO.
A BÍBLIA DIZ: VEJA COMO DEUS É... ELE EXIGE QUE VOCÊ SEJA COMO ELE É.


            SL 24:3-4 “QUEM SUBIRÁ AO MONTE DO SENHOR? QUEM HÁ DE PERMANECER NO SEU SANTO LUGAR? O QUE É LIMPO DE MÃOS E PURO DE CORAÇÃO, QUE NÃO ENTREGA SUA ALMA A FALSIDADE, NEM JURA DOLOSAMENTE”.

            (ELE EXIGE PUREZA DE SEUS FILHOS E AÍ ENTRA CRISTO!!!) COMENTÁRIO.



C)    É DISPONÍVEL PELA GRAÇA DE DEUS:


                        GN 1:26: “FAÇAMOS O HOMEM A NOSSA IMAGEM”.

                        A CARTA AOS HEBREUS NOS DIZ QUE DEUS “...NOS DISCIPLINA... A FIM DE SERMOS PARTICIPANTE DA SUA SANTIDADE” (HB 12:10).

1 TS 5:23 “DEUS, QUE NOS DÁ PAZ, FAÇA COM QUE VOCÊS SEJAM COMPLETAMENTE DEDICADOS A ELE. E QUE ELE CONSERVE O ESPÍRITO, A ALMA E O CORPO DE VOCÊS LIVRES DE TODA MANCHA, PARA O DIA EM QUE VIER O NOSSO SENHOR JESUS CRISTO”.


                                              
                                                           D O I S       C O N C E I T O S:


A)  SEPARAÇÃO;
B)  SEMELHANÇA.


A)  S E P A R A Ç Ã O :  KADOSCH: SEPARADO, SANTO, POSTOS DE LADO.


- SÁBADO: GN 2:3 “ABENÇOOU DEUS O DIA SÉTIMO E O SANTIFICOU”.
(SÁBADO SENDO SEPARADO PARA O USO DO SENHOR).

- TEMPLO: EX 29:44 : ... LUGAR SEPARADO PARA O CULTO DO SENHOR.

- ARÃO E SEUS FILHOS: SEPARADOS PARA O SERVIÇO DO SENHOR (EX 29:44).

- O POVO DE DEUS: A PRESENÇA DE DEUS NO MEIO DE SEU POVO (VERDADEIRO SEGREDO DA SANTIFICAÇÃO).
EX 33:16 “CONMO É QUE OS OUTROS POVOS PODERÃO SABER QUE ESTAIS CONTENTE COM O TEU POVO E COMIGO, SE NÃO FORES CONOSCO? A TUA PRESENÇA É QUE MOSTRARÁ QUE SOMOS DIFERENTES DOS OUTROS POVOS DA TERRA”.

OBS,: DOUTRINA DA SANTIFICAÇÃO (SEPARAÇÃO POR DEUS E PARA DEUS !!!)


B)  S E M E L H A N Ç A:  JO 1:12 “ALGUNS CRERAM NELE E O RECEBERAM E A ESTES ELE DEU O DIREITO DE SE TORNAREM FILHOS DE DEUS” (POR ISSO DEVEMOS MOSTRAR A SEMELHANÇA DA FAMÍLIA).
“...SOMOS FILHOS DE DEUS... SEREMOS SEMELHANTES A ELE”. (1 JO 3:2)

OBS.: MOSTRAMOS, PELA NOSSA SEMELHANÇA AO PAI CELESTIAL, QUE SOMOS FILHOS DELE.
2 PE 1:4 “ELE NOS TEM DADO OS MARAVILHOSOS DONS QUE PROMETEU. ELE FAZ ISSO PARA QUE, POR MEIO DESSES DONS, NOS ESCAPÁSSEMOS DA IMORALIDADE QUE OS MAUS DESEJOS ROUXERAM A ESTE MUNDO E PUDÉSSEMOS TOMAR PARTE NA SUA NATUREZA DIVINA”.


OBS.: “SANTIFICAÇÃO NÃO É UM CATÁLOGO DE COISAS QUE NÃO DEVEMOS FAZER”.


                        NÓS TEMOS CUIDADO NO QUE FAZEMOS, PORQUE TEMOS NATUREZA DE DEUS... SUAS FEIÇÕES!!! (NÃO QUEREMOS ENTRISTECÊ-LO).


EX.: NÃO VOU ÀQUELE LUGAR PORQUE...
         MEU MESTRE ESTARIA SATISFEITO COM AQUELA REVISTA?
         POSSO LEVAR JESUS COMIGO PARA ASSISTIR A ESTE FILME?
         O SENHOR ESTÁ SATISFEITO COM ESTE COMPORTAMENTO?


EIS A PERGUNTA!!!

OLHANDO PARA MIM AS PESSOAS PODEM VER CRISTO? (ESSA É A PERGUNTA, NÃO É UMA PERGUNTA).



                                                           O S      M E I O S:




A)  PELO SANGUE DE CRISTO;
B)  UMA OBRA INTERNA;
C)  PELA PALAVRA DE DEUS.




A)  P E L O    S A N G U E     D E   C R I S T O:  POSIÇÃO ETERNA.

- HB 10:10 “E, PORQUE JESUS CRISTO FEZ O QUE DEUS QUIS, NÓS SOMOS PURIFICADOS DO PECADO PELA OFERTA QUE ELE FEZ, UMA VEZ POR TODAS, DO SEU PRÓPRIO CORPO”.

OBS.: SANTIFICAÇÃO É UM FATO RESULTANTE DA SUFICIÊNCIA DO SACRIFÍCIO DE JESUS (COMENTÁRIO).

INFELIZMENTE, MUITOS DE NÓS SÃO COMO OS CORÍNTIOS, QUE, APESAR DO FATO DE SEREM SANTIFICADOS EM CRISTO JESUS, ERAM CARNAIS E CHEIOS DE PROBLEMAS.


B)  U M A     O B R A     I N T E R N A:

1 PE 1:2 “VOCÊS FORAM ESCOLHIDOS DE ACORDO COM O PROPÓSITO DE DEUS, O PAI. E PELO ESPÍRITO DE DEUS VOCÊS FORAM FEITOS UM POVO DEDICADO A ELE, A FIM DE OBEDECEEM A JESUS CRISTO E FICAREM PURIFICADOS PELO SEU SANGUE”.


OBS.: O OBJETIVO DA SANTIFICAÇÃO É PARA QUE O CRENTE SEJA OBEDIENTE E RECEBA AS BENÇÃOS DO SANGUE DE CRISTO. A SANTIFICAÇÃO PELO ESPÍRITO É MUITO LIGADA COM A NOSSA CONVERSÃO, NOVO NASCIMENTO. (INÍCIO DA VIDA CRISTÃ).

SOMOS SANTIFICADOS QUANDO O ESPÍRITO SANTO ABRE NOSSOS OLHOS À VERDADE, CONVENCE-NOS DO JUÍZO, DO PECADO E DA JUSTIÇA E NOS LEVA PARA OSANGUE DE CRISTO.


C)   P E L A     P A L A V R A     D E     D E U S : 

NOSSA POSIÇÃO EM CRISTO : JUSTIFICADOS, CONSIDERADOS JUSTOS, LIVRES DE CULPA, SANTOS. AGORA, O NOSSO COMPORTAMENTO DEVE SER IGUAL A NOSSA POSIÇÃO. (SANTIFICAÇÃO PROGRESSIVA).

1 PE 1:15-16 “PELO CONTRÁRIO, SEJAM SANTOS EM TUDO O QUE FIZEREM, ASSIM COMO DEUS, QUE OS CHAMOU, É SANTO”. PORQUE AS ESCRITURAS DIZEM: SEJAM SANTOS PORQUE EU SOU SANTO.


FP 2:12-13 “PORTANTO, MEUS QQUERIDOS AMIGOS, VOCÊS QUE ME OBEDECERAM SEMPRE QUANDO EU ESTAVA AÍ, DEVEM ME OBEDECER MUITO MAIS AGORA QUE ESTOU AUSENTE. CONTINUEM TRABALHANDO COM RESPEITO E TEMOS A DEUS PARA COMPLETR A SALVAÇÃO DE VOCÊS. POIS, DEUS ESTÁ SEMPRE AGINDO EM VOCÊS PARA QUE OBEDEÇAM A VONTADE DELE, TANTO NO PENSAMENTO COMO NAS AÇÕES”.


OBS.:  A NOSSA LUTA É PARA QUE A NOSSA CONDUTA SEJA IGUAL A NOSSA POSIÇÃO EM CRISTO:

A PERGUNTA É .... 

             “DE QUE MANEIRA PODERÁ O JOVEM GUARDAR PURO O SEU CAMINHO? OBSERVANDO-O SEGUNDO A TUA PALAVRA” (SL 119:9).

A PALAVRA DE DEUS: “SANTIFICA-OSS NA VERDADE; A TUA PALAVRA É A VERDADE”  (JO 17:17).

2 TM 3:16-17 “POIS TODA ESCRITURA SAGRADA É INSPIRADA POR DEUS E É ÚTIL PARA ENSINAR A VERDADE, CONDENAR O ERRO, CORRIGIR AS FALTAS E ENSINAR A MANEIRA CORRETA DE VIVER. E ISSO PARA QUE  SERVO DE DEUS ESTEJA COMPLETAMENTE PREPARADO E PRONTO PARA FAZER TODO TIPO DE BOAS AÇÕES”.




                                                             C O N C L U S Ã O :


                        A PERUNTA É...

                               ESTOU CRESCENDO EM SANTIDADE? SOU MAIS SANTO HOJE DO QUE NO PASSADO? QUANDO A SANTIFICAÇÃO SERÁ COMPLETA?

R E S P O S T A:   QUANDO DEUS COMEÇA ALGO NA VIDA DO CRENTE.... ELE SEMPRE COMPLETA:

FP 1:6 “POIS ESTOU BEM CERTO DE QUE DEUS, QUE COMEÇOU ESSE BOM TRABALHO NA VIDA DE VOCÊS, VAI CONTINUÁ-LO ATÉ QUE ELE ESTEJA COMPLETO NO DIA DE CRISTO JESUS”
                       
1 TS 5:24 “FIEL É O QUE VOS CHAMA, O QUAL TAMBÉM O FARÁ”.

1 TS 3:13 “  A FIM DE QUE O VOSSO CORAÇÃO CONFIRMADO EM SANTIDADE, ISENTODE CULPA; NA PRESENÇA DE NOSSO DEUS E PAI, NA VINDA DE  NOSSO SENHOR JESUS, COM TODOS OS SEUS SANTOS"


                                                          AMÉM!!!

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Leonard Ravenhil


Assim disse o falecido cristão Leonard Ravenhill!


   " A Igreja costumava ser um barco resgatando os que perecem. Agora, parece mais um navio de cruzeiro angariando gente próspera."

domingo, 9 de setembro de 2012

Santificação


.                              LEITURA DO TEXTO. I PEDRO 1:13-21


            I N T R O D U Ç Ã O:



            IRMÃOS, ESSA É UMA PALAVRA MARAVILHOSA PARA NOSSAS VIDAS. DEUS AMA E CORRIGE AQUELES QUE ELE TEM POR FILHO;

            FICA CLARO QUE ELE DIFERENCIA O SANTO DO PROFANO. NÓS SOMOS SEPARADOS? ML3:18 ( ENTÃO, VEREIS OUTRA VEZ A DIFERENÇA ENTRE O JUSTO E O PERVERSO, ENTRE O QUE SERVE A DEUS E O QUE NÃO SERVE)

            QUANDO DEUS OLHA DO CÉU E VÊ NOSSAS VIDAS, HÁ DIFERENÇA ENTRE NÓS E O ÍMPIO? HÁ DIFERENÇA ENTRE OS CRISTÃOS E OS NÃOS CRISTÃOS? HÁ DIFERENÇA ENTRE CRISTÃOS E DISCÍPULOS DE JESUS? SE NÓS NÃO VIVEMOS UMA VIDA SEPARADA, NÓS NÃO SOMOS VERDADEIROS DISCÍPULOS DE CRISTO.

            SER DISCÍPULO DE JESUS NÃO SÃO SOMENTE GOTAS DE MELHORA EM NÓS; É UMA TRANSFORMAÇÃO TOTAL. É IMPOSSÍVEL CONCILIAR AS PRÁTICAS DO CURSO DESTE MUNDO COM O VIVER EM CRISTO, PARA CRISTO, POR CRISTO! NÓS SOMOS SUBMISSOS À VONTADE DE DEUS, CARREGAMOS A PRESENÇA DE DEUS, VOCÊ É A ARCA HOJE! A ARCA É SANTUÁRIO DE DEUS, ONDE O ESPÍRITO HABITA.

LV 11:44-45 ( EU SOU O SENHOR, VOSSO DEUS; PORTANTO, VÓS VOS CONSAGRAREIS E SEREIS SANTOS, PORQUE EU SOU SANTO; E NÃO VOS CONTAMINAREIS POR NENHUM ENXAME DE  CRIATURAS QUE SE ARRASTAM SOBRE A TERRA. EU SOU O SENHOR, QUE VOS FAÇO SUBIR DA TERRA DO EGITO, PARA QUE EU SEJA VOSSO DEUS; PORTANTO, VÓS SEREIS SANTOS, PORQUE EU SOU SANTO.)

           

HOJE, NESTA GERAÇÃO, NÓS EXPRESSAMOS SANTIDADE, JUSTIÇA, AMOR, GRAÇA... OU SENSUALIDADE, COBIÇA, LUXÚRIA NO NOSSO VIVER DIÁRIO?


            PORQUE ESTÁ ESCRITO:

            “SEDE SANTOS, DIZ O SENHOR, PORQUE EU SOU SANTO!”.

            A CONVERSÃO, IRMÃOS, É ABNEGAÇÃO. É UMA VIDA CONTÍNUA DE RENÚNCIAS... “QUEM QUISER VIR APÓS MIM, NEGUE-SE A SI MESMO, TOME A SUA CRUZ E SIGA-ME.”.

            SE NOSSO ESTILO DE VIDA É SEMELHANTE A DOS NOSSOS AMIGOS ÍMPIOS, NOSSO DISCIPULADO EM JESUS ESTÁ COMPROMETIDO! CRISTIANISMO SIGNIFICA MUDANÇA TOTAL, COMPLETA.

            ILUSTRAÇÃO DA LAGARTA/BORBOLETA:

            NÓS LEVANTAMOS UMA BANDEIRA, IRMÃOS! A BANDEIRA DO EVANGELHO! NÓS DEVEMOS SER DIFERENTES! SENDO QUE, SE VERDADEIRAMENTE ESTAMOS EM CRISTO, NOVA CRIATURA SOMOS E AS COISAS VELHAS JÁ FICARAM PARA TRÁS E... NÃO NOS EVERGONHAMOS DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO QUE É PODER DE DEUS PARA NOSSA SALVAÇÃO!!!



                 D  E  S  E  N  V  O  L  V  I  M  E  N  T  O:


            SENÃO, VEJAMOS IRMÃOS:

            O QUE É SANTO?
            QUAL É A FONTE DA SANTIDADE?
            É POSSÍVEL SER SANTO?
            PORQUE SER SANTO?
            COMO SER SANTO?


            QUE DEUS NOS AJUDE!!!



O QUE É SANTO?


- O TERMO HEBRAICO (KADOSCH) PARA SANTO SIGNIFICA SEPARAÇÃO; PURO; CONSAGRADO A DEUS.

- DO LATIM, SANCTUS = SADIO, SAUDÁVEL SÃO.
O TERMO OPOSTO A SANTO É “IMPURO” OU “PROFANO”.
SANTIFICAR UMA COISA É CONSAGRÁ-LA OU SEPARÁ-LA DO COMUM.

- DO GREGO KOINE QUE É UTILIZADO NO NOVO TESTAMENTO, A PALAVRA SANTO VEM DA RAIZ HAGIOS QUE SIGNIFICA SEPARADO PARA OU CONSAGRADO PARA.




QUAL É A FONTE DA SANTIDADE?


SANTIDADE NÃO É SOMENTE UM ATRIBUTO DE DEUS, MAS, SUA NATUREZA ESSENCIAL (ESPÍRITO SANTO). SANTIDADE SE REFERE A DEUS E OU AQUILO FEITO SANTO POR ELE.

PORTANTO, NENHUMA SANTIDADE EXISTE FORA DELE. SANTO INDICA A PRÓPRIA SEPARAÇÃO DE DEUS DA IMPUREZA OU PECADO.

SOMENTE DEUS TEM PODER E AUTORIDADE PARA TORNAR SANTOS E PURIFICAR COISAS CONTAMINADAS PELA IMPUREZA. PORTANTO, TODA SANTIDADE VEM DE DEUS.

FOMOS CRIADOS À IMAGEM E SEMELHANÇA DE DEUS. SER A IMAGEM DE DEUS SIGNIFICA ENTRE OUTRAS COISAS, QUE FOMOS FEITOS PARA ESPELHAR E RELETIR O CARÁTER DE DEUS.

            FOMOS CRIADOS Á SUA IMAGEM. MAS, ONDE ESTAMOS AGORA? EXAMINEMOS NOSSAS VIDAS E VEJAMOS SE ESPELHAMOS A SANTIDADE DE DEUS.

O SENHOR NOS ORDENARIA UMA COISA IMPOSSÍVEL? CREIO QUE NÃO.

DEUS TE LIBERTOU PARA SER LIVRE E A MEDIDA DESSA LIBERDADE É A SUA PRÓPRIA CONSCIÊNCIA NO EVANGELHO.

É ELE QUEM NOS DÁ CONSCIÊNCIA E ARREPENDIMENTO PARA NOS TORNARMOS SANTOS. TODA SANTIDADE VEM DELE.

A PALAVRA SANTIFICAÇÃO, NA BÍBLIA, SIGNIFICA SEPARAÇÃO.

PORTANTO, QUANDO DEUS NOS ORDENA PARA SERMOS SANTOS, ORDENA PARA VIVERMOS UMA VIDA SEPARADA DESTE MUNDO PECAMINOSO.

 PORÉM, SER SANTO, NA NOSSA CONDIÇÃO TERRENA, NÃO SIGNIFICA VIVER SEM PECADO, POIS A PRÓPRIA BÍBLIA AFIRMA QUE SE ALGUÉM DISSER QUE NÃO TEM PECADO É UM MENTIROSO. (I JOÃO 1:8): “SE DISSERMOS QUE NÃO TEMOS PECADO NENHUM, A NÓS MESMOS NOS ENGANAMOS, E A VERDADE NÃO ESTÁ EM NÓS.”.

QUANDO ELE ORDENOU PARA SERMOS SANTOS, DISSE PARA NÃO NOS MISTURARMOS AOS ÍMPIOS, NÃO NOS INFLUENCIARMOS COM AS COISAS RUINS DO MUNDO QUE NOS DISTANCIAM DELE.



É POSSÍVEL SER SANTO?


DEUS NUNCA EXIGIRIA DE SEUS FILHOS ALGO QUE ELES NÃO PUDESSEM DAR.

PAULO, EM I TESS 4:7, DIZ O SEGUINTE: “PORQUANTO DEUS NÃO NOS CHAMOU PARA A IMPUREZA E SIM PARA A SANTIFICAÇÃO”.

A VONTADE DE DEUS É QUE SEJAMOS PUROS, MESMO VIVENDO ENTRE OS IMPUROS. NÃO É O AMBIENTE QUE NOS TORNA SANTOS. SOMOS NÓS QUE SANTIFICAMOS O AMBIENTE.

VOCÊ NÃO PRECISA VIVER 24 HS DENTRO DA IGREJA PARA DEMONSTRAR SANTIDADE. O QUE TORNA ALGUÉM SANTO AOS OLHOS DE DEUS NÃO É O TEMPO QUE SE PASSA EM AMBIENTES SUPOSTAMENTE SAGRADOS, NÃO É NOSSA ROUPA, USOS E COSTUMES, NÃO É NOSSO LEGALISMO, MAS SÃO AS ATITUDES CORRETAS QUE TOMAMOS QUANDO O PECADO BATE Á PORTA. (EFÉSIOS 6:14-18).



PORQUE SER SANTO?


P E N S E M O S...

SE ESTAMOS SALVOS EM CRISTO, NÃO SOMOS MAIS CONTROLADOS POR NOSSAS VONTADES CARNAIS.

AGORA QUEM ESTÁ NO  CONTROLE É O ESPÍRITO SANTO. PORTANTO, NOSSAS AÇÕES DEVEM DEMONSTRAR QUE ESTAMOS SENDO TRANSFORMADOS CONFORME A IMAGEM DE CRISTO. (ROM. 8:29) “PORQUANTO AOS QUE DE ANTEMÃO CONHECEU, TAMBÉM OS PREDESTINOU PARA SEREM CONFORME A IMAGEM DE SEU FILHO, A FIM DE QUE ELE SEJA O PRIMOGÊNITO ENTRE MUIITOS IRMÃOS.”.

NÃO PODEMOS MAIS VIVER DE MANEIRA PECAMINOSA QUE VIVÍAMOS ANTES DE NOSSA CONVERSÃO, QUANDO ÉRAMOS ESCRAVOS DO PECADO E ELE NOS DOMINAVA. (COLOSSENSES 1:13-14) “E ELE NOS IBERTOU DO IMPÉRIO DAS TREVAS E NOS TRANSPORTOU AO REINO DO FILHO DO SEU AMOR, NO QUAL TEMOS A REDENÇÃO, A REMISSÃO DOS PECADOS.

MAS, AGORA QUE CRISTO NOS LIBERTOU AS NOSSAS ATITUDES DEVEM GLORIFICÁ-LO. VOCÊ ESTÁ MORTO PARA AQUELA VELHA VIDA! A VIDA QUE VOCÊ VIVE AGORA É EXCLUSIVAMENTE PARA DEUS.

PORTANTO, SE QUISERMOS VIVER EM COMUNHÃO COM DEUS NÃO PODEMOS MANTER QUALQUER RELAÇÃO COM O PECADO. “AQUELE QUE DIZ ESTAR NELE DEVE ANDAR COMO ELE ANDOU.”.

À PARTIR DO MOMENTO EM QUE ASSUMIMOS UM COMPROMISSO COM DEUS, O PECADO DEIXOU DE TER DOMÍNIO SOBRE NÓS, POIS FOMOS FEITOS SERVOS DE DEUS (ROMANOS 6:14) “PORQUE O PECADO NÃO TERÁ DOMÍNIO SOBRE VÓS; POIS NÃO ESTAIS DEBAIXO DA LEI, E SIM DA GRAÇA.”.

O QUE É GRAÇA, MEUS IRMÃOS? COMENTÁRIO:



COMO SER SANTO?


A SANTIDADE QUE DEUS REQUER DE NÓS, COMEÇA DE DENTRO PARA FORA E ELA SÓ É POSSÍVEL ATRAVÉS DE UMA VIDA DE SUBMISSÃO AO ESPÍRITO SANTO.

SEM SUBMISSÃO À PALAVRA DE DEUS, O EVANGELHO,  É IMPOSSÍVEL VIVER EM SANTIDADE.

VOCÊ NÃO PODE ALCANÇAR A SANTIFICAÇÃO POR SEUS ESFORÇOS NATURAIS. A OBRA DA SANTIFICAÇÃO SÓ É POSSÍVEL ATRAVÉS DO ESPÍRITO SANTO.

É ELE QUE ATRAVÉS DA PALAVRA DA VERDADE, PRODUZ EFEITO PURIFICADOR 

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Adoração


ADORAÇÃO É CORAÇÃO QUE PERCEBE A DOR QUE O SEU PECADO CAUSA PARA DEUS. É CORAÇÃO DETERMINADO A OBEDECER A DEUS EM TODAS AS COISAS. É NOSSA VIDA CHEGANDO A DEUS COMO CHEIRO SUAVE. É MORRER TOTALMENTE PARA O SEU EU, ESPERAR NELE E BUSCAR A DIREÇÃO DELE.
ADORAÇÃO É SACRIFÍCIO AGRADÁVEL, ACEITÁVEL... É SANTIDADE!
ADORAÇÃO É VIDA, NÃO MÚSICA! DEUS SE AGRADA DO QUE SOMOS DIANTE DELE. LOUVEMOS, PORTANTO, COM AS NOSSAS VIDAS, NÃO APENAS COM OS NOSSOS LÁBIOS E CANÇÕES.
ADORAÇÃO É OFERECER-SE DIARIAMENTE A DEUS: SEU TEMPO, SEUS TALENTOS, OPORTUNIDADES, RELACIONAMENTOS E O QUE MAIS SERVIR PARA AGRADAR A DEUS.
QUE A NOSSA ADORAÇÃO NÃO SEJA VENDIDA COMO UM SHOW DE FIM DE SEMANA, MAS QUE PRATIQUEMOS A ADORAÇÃO VERDADEIRA, BÍBLICA, DE SEGUNDA À SEGUNDA!
É UM ENGANO PENSAR QUE DEUS SE IMPRESSIONA COM OS NOSSOS CULTOS DE DOMINGO. ELE ACOLHE MUITO MAIS OS NOSSOS GESTOS SIMPLES DO COTIDIANO.
ADORAÇÃO NÃO É UM EVENTO DOMINGUEIRO, MAS UM ESTILO DE VIDA QUE GLORIFICA O SENHOR!
ADORAÇÃO NÃO É APENAS IR A UM SANTUÁRIO, MAS SER UM SANTUÁRIO!
ADORAR A DEUS É UM PRIVILÉGIO DO SEU POVO. DEPENDE DE NOSSA VIDA E O MODO COMO FAÇAMOS PARA NÃO SERMOS REPROVADOS À SEMELHANÇA DE ISRAEL.

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

O Evangelho- grupo LOGOS


"Eu sinto verdadeiro espanto no meu coração
Em constatar que o evangelho já mudou.
Quem ontem era servo agora acha-se Senhor
E diz a Deus como Ele tem que ser ...


Mas o verdadeiro evangelho exalta a Deus
Ele é tão claro como a água que eu bebi
E não se negocia sua essência e poder
Se camuflado a excelência perderá!

Refrão
O evangelho é que desvenda os nossos olhos
E desamarra todo nó que já se fez
Porém, ninguém será liberto, sem que clame
Arrependido aos pés de Cristo, o Rei dos reis.


O evangelho mostra o homem morto em seu pecar
Sem condições de levantar-se por si só ...
A menos que, Jesus que é justo, o arranque de onde está
E o justifique, e o apresente ao Pai.


Mostra ainda a justiça de um Deus
Que é bem maior que qualquer força ou ficção
Que não seria injusto se me deixasse perecer
Mas soberano em graça me escolheu


É por isso que não posso me esquecer
Sendo seu servo, não Lhe digo o que fazer
Determinando ou marcando hora para acontecer
O que Sua vontade mostrará"  


(O Evangelho; Grupo Logos)


Leia Mais em: http://www.genizahvirtual.com/2011/09/bispo-edir-macedo-admite-que-e.html#ixzz25d8FdxxE
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial Share Alike

A Doutrina da Eleição

video

terça-feira, 4 de setembro de 2012

MINHA PÁTRIA


Minha Pátria
“Feliz é a nação cujo Deus é o SENHOR e o povo que ele escolheu para sua herança” (Sl 33:12).


Quem foi o estudante que, em suas tarefas escolares, nunca redigiu um texto dentro desse assunto? Considerando a semana chamada “da pátria” –  a independência do Brasil, 07/09/1822, separação de Portugal  - e ainda o assolado debate para o pleito eleitoral para prefeitos e vereadores em todos os municípios brasileiros, que tal voltarmos ao tema?
O salmista vislumbra a nação feliz no projeto de Deus.  Com certeza, aquela que dá o senhorio a Deus, na contra partida, são infelizes todas as outras.  No projeto de Deus não há lugar para a escravidão e morte, feitos pelas nações, posto que não tem espaço para nenhum outro senhor. Ele é o Senhor!!!
Pátria é o país onde nascemos, lugar que se considera como preferido, o melhor; como já disse o poeta: “Todos cantam sua terra, também vou cantar a minha, nas débeis cordas da lira hei de fazê-la rainha”.  O Estado (do latim status = estar firme), significa, socialmente, situação permanente de convivência.  O Estado é sempre constituído pela população, o seu povo, a que se chama também nação. Onde tem gente tem confusão, mais gente, mais confusão.  A população é humana, má e corrupta.  Aí a reclamação  repetida nos tempos dos juízes: “Naqueles dias não havia rei em Israel: cada um fazia o que achava mais reto”. Então, passa a caber ao Estado, pretensamente, “soberano” ditar as normas que precisam ser boas, éticas e morais. Chegou-se a um princípio supimpa que escrito acalenta os olhos; ouvido suaviza os ouvidos:  “Amor como a base, ordem como o meio, e progresso como o fim”. Mas o povo, pervertido que é,  não consegue a aplicação do tão nobre preceito.
A felicidade consiste, de verdade, em pertencer ao Senhor.  Quando Gideão venceu os midianitas o povo empolgou-se e pediu para que ele assumisse o reinado. “Porém Gideão lhe disse: Não dominarei sobre vós; nem tão pouco meu filho dominará sobre vós; o SENHOR vos dominará” (Jz 8:23).   Logo em seguida, no Primeiro Livro de Samuel, encontramos Israel exigindo, peremptoriamente, um rei. “Constitui-nos, pois, agora, um rei sobre nós, para que nos governe, como o têm todas as nações. Disse o SENHOR a Samuel: Atende à voz do povo em tudo quanto te dizem, pois não te rejeitam a ti, mas a mim, para eu não reinar sobre eles” (ISm 8:5,7).
Há candidatos na captura de votos com os mais requintados programas. Alguns inescrupulosos, sem a mínima noção de cidadania, outros, porém vocacionados por Deus para  tais funções e serão legitimados no sufrágio universal, confirmados no seu voto, é você quem elege, a decisão é sua.  O merecedor do seu voto precisa saber queDeus reina  e deve estar comprometido, de corpo e alma, não só de palavras, na busca do melhor para o maior número possível e durante o maior tempo.
A pedagogia bíblica é que Deus nunca abriu mão do regime teocrático.  Ele constitui o rei para o governo político administrativo enquanto o sacerdote cuida das diretrizes espirituais e os dois, rei e sacerdote, político e religioso, prestam contas para Ele que rigidamente espera.  Temos que apreender essa lição, aplicar e transmitir. É assim que se é “a nação cujo Deus é o SENHOR” e é, somente, assim que se é feliz.
Rev. Ersino Albano da Silva

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores